terça-feira, 15 de junho de 2010

Portugal na Copa do Mundo 2010

O Hino de Portugal acaba de ser executado.

Boa sorte!

Diretoria da Associação Vasco da Gama 2010/11

Presidente : José Valente
1º Vice : Joaquim Soares
2º Vice : Antônio Fernandes
1º Secretário : Arnaldo Rodrigues
2º Secretário : José Antonio Pina
1º Tesoureiro : Helder Serra
2º Tesoureiro : Celestino Aguiar
Diretor Cultural: Cícero Alves
Diretor Patrim. : José Manuel
Diretor Social : Carlos Nogueira
Diretor de Sede: Paulo Sérgio

quinta-feira, 10 de junho de 2010

Luís Vaz de Camões


Do Canto 1 da obra Os Lusíadas:

1
As armas e os barões assinalados,
Que da ocidental praia Lusitana,
Por mares nunca de antes navegados,
Passaram ainda além da Taprobana,
Em perigos e guerras esforçados,
Mais do que prometia a força humana,
E entre gente remota edificaram
Novo Reino, que tanto sublimaram;


Imagem: O Retrato de Camões por Fernão Gomes no sítio:








Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas

As origens do Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades remotam ao ínicio do século XX (1924). O Dia de Camões começou a ser festejado a nível nacional com o Estado Novo (um regime instituído em Portugal por António de Oliveira Salazar, em 1933).

Por quê Dia de Portugal e de Camões?

Segundo Conceição Meireles (investigadora especialista em História Contemporânea de Portugal) Camões representava o génio da pátria, representava Portugal na sua dimensão mais esplendorosa e mais genial. O feriado em honra de Camões (um dos simbolos da Nação) passou a ser a 10 de Junho uma vez que esta data foi apontada como sendo a da morte do poeta que escreveu "Os Lusíadas".

Por quê Dia das Comunidades?

Até ao 25 de Abril de 1974, o 10 de Junho era conhecido como o Dia de Camões, de Portugal e da Raça. Oliveira Salazar, na inauguração do Estádio Nacional em 1944, tinha denominado também o dia 10 de Junho como o Dia da Raça em memória das vítimas da guerra colonial. A partir de 1963, o feriado do 10 de Junho assumiu-se como uma homenagem às Forças Armadas e numa exaltação da guerra e do poder colonial. A segunda republica não se revê neste feriado, pelo que, em 1978, o converte em Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas.

Fonte de pesquisa: http://www.catraios.pt/10junho.htm

sábado, 5 de junho de 2010

Dia Mundial do Meio Ambiente

Aproveitamos para decorar esta postagem com o símbolo da cidade de Belém do Pará - a mangueira - imagem no blogue de Moisés Jadão Neto.

Certamente a oliveira bem caracteriza Portugal. Neste 5 de junho, em que mundialmente se comemora o Dia do Meio Ambiente, sugerimos uma visita ao sítio Árvores de Portugal (publicação de Pedro Nuno Teixeira Santos) para saber mais sobre essa belíssima espécie. Clique aqui